Há alguns meses estamos divulgando nosso chamado missionário e levantando nosso sustento. E muitas pessoas tens nos perguntado:
  • De onde vem o sustendo de um missionário?
  • Quanto as agências missionárias contribuem com o sustento missionário?
  • Quem paga as despesas dos missionários?
Realmente há muita falta de informação quanto a esse respeito. Mas queremos ajudá-lo a entender como você é parte fundamental nisso.
Existem três modos de se envolver com a obra de missões:
  • Indo ao campo missionário
  • Orando por aqueles que estão no campo
  • Sustentando os missionários financeiramente
Através das ofertas das igrejas e pessoas comprometidas com o chamado do “ide e fazei discípulos de todas as nações” é que os projetos missionários são realizados.
Lembrando que Jesus também era sustentado:Depois disso Jesus ia passando pelas cidades e povoados proclamando as boas novas do Reino de Deus. Os Doze estavam com ele. Joana, mulher de Cuza, administrador da casa de Herodes; Susana e muitas outras. Essas mulheres ajudavam a sustenta-los com os seus bens. Lc 8:1;3.
A contribuição é uma semeadura e o dinheiro é uma semente. A sementeira que se multiplica é a que semeamos e não a que comemos. Quando semeamos com abundância, colhemos com abundância. “Lembrem-se: aquele que semeia pouco, também colherá pouco, e aquele que semeia com fartura, também colherá fartamente” (2Co 9.6).
São as pessoas que apoiam os missionários com suas contribuições. Esses responsáveis pelo sustento e pelo apoio espiritual devem entender que é uma parceria de confiança. Se não houver essa confiança, corre o risco de o trabalho no campo ficar comprometido.
Vamos entender o papel de uma agência missionária:

  • Agência missionária e à igreja: A agência missionária (que normalmente chamamos de Missão) é a grande parceira das igrejas no envio de seus missionários. Muitas igrejas desejam enviar seus missionários mas não tem uma estrutura que permita isso, nem mesmo de acompanhar o missionário em todas as suas necessidades. Aí que entra a agência missionária para ajudar, como uma parceira da igreja para cumprir sua missão de ir por todo o mundo e enviar seus missionários.
  • Agência missionária e o missionário: As necessidades do missionário começam muito antes de chegar no campo. Saber como é a nova cultura em que será inserido, aprender uma nova língua, descobrir que documentos apresentar em embaixadas e fronteiras, chegar em um país estranho e ter um lugar para morar, saber em quem confiar para ensinar-lhe a nova língua (informante), e muitas outras dificuldades que surgem no decorrer do processo de candidatura do missionário e, às vezes, somente quando ele chegar em seu campo de trabalho. A agência missionária treina o missionário, ensina-lhe como superar ao máximo o choque cultural e ajuda a administrar o seu relacionamento com os mantenedores, entre outros.
  • Agência missionária no campo missionário (igreja local no campo): O campo que recebe o missionário também não sabe como lidar com o estrangeiro, não sabe o que ele foi fazer lá e como o missionário poderá ajudar. A agência missionária ajuda a criar o vínculo com o campo.

O missionário sente-se chamado, tem uma paixão que arde em seu coração e vai aos poucos revelando à igreja seus projetos e seus sonhos missionários. Assim, o missionário levanta seu sustento entre parentes, amigos e igrejas, começando sempre por sua igreja enviadora.
Não é a Agência Missionária que sustenta o missionário. É o missionário que mantém a agência. Aliás, não existe nenhuma Agência Missionária, sem missionários. São eles (os missionários) que formam a base de sustentação de qualquer projeto missionário. Como aquele que tem um chamado, a Agência Missionária também se mantém de ofertas.

Portanto, tudo o que acontece em um campo missionário tem o acompanhamento de uma agência. E isso depende de ofertas. Ofertas das igrejas, ofertas de pessoas que amam missões, ofertas de pessoas que, por alguma razão, foram desafiadas a se envolverem com maior compromisso na obra missionária.>


Não há missões sem missionários.
Não há missionários sem ofertas.
Não há ofertas sem gente comprometida.

Missões aguarda seu envolvimento….e nós aguardamos seu contato.